Maconha

Enviado por Ronaldo Laranjeira


A - A Droga

O QUE É A MACONHA?

Conhecida também como marijuana, herva, entre outros a maconha é um produto de uma planta de nome Cannabis Sativa. Uma resina grudenta cobre as flores e as folhas superiores, principalmente na planta fêmea, e contém mais de 60 substâncias chamadas de canabinóides, no entanto a substância que produz os efeitos mentais desejados é o THC (delta-9- tetraidrocanabinol). Existem outros 400 substâncias químicas presentes na maconha, que não têm efeitos no cérebro, mas que produzem outros efeitos no corpo.

A MACONHA É UMA DROGA NOVA?

O uso da maconha já era relatado há 12 000 anos atraz quando os gregos e os chineses usavam esta planta para fazer cordas utilizadas em navios. O seu uso como medicamento começou há 3000 anos como tratamento de constipação, malária, dores reumáticas e doenças femininas.

Também o seu uso psicoativo era recomendado para melhorar o sono e estimular o apetite. No meio do século passado as propriedades antoconvulsivantes, analgésicas, antiansiedade e anti vômito foram notadas por vários médicos europeus. No entanto, no começo do século XX este uso da maconha como medicamento praticamente desapareceu do mundo ocidental com o aparecimentos das drogas sintéticas, muito mais seguras e eficazes. A partir daí o que predominou foi o uso como droga de abuso.

A CONCENTRAÇÃO DA MACONHA É SEMPRE IGUAL NAS SUAS PREPARAÇÕES?

Não. O conteúdo da substância tiva da maconha (THC) varia bastante dependendo do clima, solo, plantação e tipo de planta. Existem evidências que nos últimos anos a concentração de THC vem aumentando. Nos anos sessenta a concentração encontrada na maconha apreendida era ao redor de 1.5%. Hoje em dia chega a 4%, podendo em algumas situações chegar a 20%. Em alguns países com a Holanda alguns produtores aparentemente produziram uma nova cepa da planta ("Netherweed") com concentrações maiores do que 20%. Esta nova concentração da maconha HASHISHE TAMBÉM É MACONHA?

Hashishe também deriva da mesma planta, mas seria a maconha em outra forma. A maconha é preparada desses topos floridos secos e das folhas da planta colhida. Hashishe ou ‘hash’ seria a resina da planta seca e as flores comprimidas. A diferença é que o hashishe é 5-10 vezes mais potente do que a maconha comum. Ainda há uma terceira forma popular que é o óleo de hash, altamente potente e viscoso, obtido pela extração do THC, do hashishe ou da maconha com um solvente orgânico, concentrando o extrato filtrado e às vezes, submetendo-o a futura purificação.

No Brasil, a forma mais popular de consumo é mesmo a maconha.

QUAL SUA APARÊNCIA E COMO É USADA?

A maconha tem aparência marron esverdeada, de folhas secas e é mais comumente fumada pondo-se as folhas ‘dichavadas’ (isto é, separadas) num papel de cigarro ou ‘seda’. O produto final tem aspecto de cigarro e é conhecido como ‘baseado’. Algumas pessoas inserem um filtro para tornar a inalação mais fácil e menos direta. Algumas vezes, a maconha é misturada com tabaco para diminuir sua potência. Para aumentar a absorção, os usuários mantém a fumaça da maconha nos pulmões por vários segundos.

QUANTO TEMPO DEMORA PRA FAZER EFEITO E QUANTO TEMPO O EFEITO DURA?

Cannabis na forma de maconha fumada demora minutos para fazer efeito e atinge seu pico após 20 minutos do início da fumada, e aí começa a diminuir. Seu efeito dura de 5 a 12 horas dependendo da quantidade fumada.

É POSSÍVEL DETECTAR MACONHA NUM EXAME DE SANGUE?

Sim, é possível determinar se maconha foi usada e se o uso foi recente, mas não quão recente.

No caso de consumidores crônicos e diários, o organismo fica limpo do THC de 19 a 27 horas.

No caso dos usuários menos crônicos, demora de 50 a 57 horas.

A MACONHA FICA NO ORGANISMO?

Pesquisas mostram que o THC pode ficar no organismo de usuários crônicos de 3 a 5 dias.

Existem evidências que os usuários crônicos de maconha ficam com quantidades significativas na gordura do corpo. Ainda não se sabe exatamente o significado deste fato mas todos os usuários deveriam saber disto.

 


Página seguinte 


As opiniões expressas em todos os documentos publicados aqui neste site são de responsabilidade exclusiva dos autores e não de Monografias.com. O objetivo de Monografias.com é disponibilizar o conhecimento para toda a sua comunidade. É de responsabilidade de cada leitor o eventual uso que venha a fazer desta informação. Em qualquer caso é obrigatória a citação bibliográfica completa, incluindo o autor e o site Monografias.com.