A abandono escolar e Angola

Enviado por Enês Eyanga 


  1. Introducão
  2. A falta de acompanhamento dos pais e encarregado de educação
  3. Consequências do abandono escolar
  4. Sugestões
  5. Conclusâo
  6. Bibliografia

Introducão

O presente trabalho, tem como objetivo apresentar as reflecções sobre a abandono escolar e Angola diagnosticar as causas e consequências, posteriormente propor algumas medidas para minimizar este fenómeno.

Numa sociedade em que deseja o desenvolvimento a educação torna-se a base fundamental para um progresso social por todos desejados. Dai que o abandono escolar é um grande encrave para o desenvolvimento de qualquer sociedade.

Em Angola o índice do abandono escolar tem vindo a ser cada vez mais preocupante nos últimos anos. Muitos são as causas desse fenómeno como:

- Dificuldade de assimilação dos conteúdos curriculares;

- Avaliação incorreta;

- A falta de ética e deontologia profissional de alguns professores;

- Questões familiares como (divorcio, dificuldade financeira, economia excessiva numero elevado de filhos, gravidez precoce, casamentos prematuros,);

-Ouso de álcool e drogas;

-Impulsionamento a uma entrada precoce no mundo do trabalho e do dinheiro;

-Dificuldade em lhe dar com conflitos que surgem na escola como: a rejeição por parte dos colegas, por algumas particularidades físicas ou de personalidade;

-A falta de acompanhamento dos pais e encarregados de educação;

-A falta de incentivo por parte dos professores;

-Dificuldade de assimilaçãodos conteúdos curriculares

- A educação clássica transforma a memoria humana num banco de dados. Amenoria humana não tem essa função. (Augusto Cury,2008.pag 68.)

São varias as disciplinas com conteúdos muitos vastos e os professores da nossa época muitos pensam que o bom aluno é aquele que consegue decorar tudo aquilo que esta em um fasciculo ou os conteúdos administrados pelos professores.

Muitos dos alunos vem isto como uma carga muito grande de suportar, isto vás co que eles percam o gosto pela aprendizagem que prefere abandonar a escola.

Os tipos de avaliação

Como uns dos grandes problemas da nossa escola é que a prova é utilizada com intimidação, isto cria um bloqueio no processo de ensinar e aprender, que naturalmente que se refletira na inserção do aluno na sociedade. Porque se o aluno não aprende o suficiente terá dificuldade em competir de igual para igual com os outros que aprenderam e será excluído da sociedade.

A falta de ética e deontologia profissional por parte de alguns professores

O educador como principal transmissor da herança cultural, tem como missão propagar a ética as novas gerações.

Antes de transmitir esta ética, o educador tem que ser ético ou seja praticar esta ética em suas ações cotidianas.

Agir corretamente a sua equipa de trabalho, aos seus alunos e familiares.

O profissional que é ético tem como objetivo promover a estabilidade das relações humanas, suas relações evidenciam alguns princípios como: dignidade humana integridade moral, honestidade, imparcialidade, compromisso em servir, excelência potencial crescimento paciência educação encorajamento flexibilidade e humildade.

O ser humano sem principio ético é cheio de artimanha, mesquinho, egoísta não acredita no potencial humano (Maria Augusta Sanches Rocine, pág. 99 )

Infelizmente em nossas escolas existem muitos com ausência destes princípios éticos, agem incorretamente durante as suas atividades laborais descriminando o aluno chamando de burro, vocês não dão nada, já estes reprovados; Outros intimidam os alunos com reprovações caso não aceitam ter um relacionamento amoroso. Existem ainda os que pedem dinheiro para que os alunos aprovem de classe. Nestes casos muitos preferem abandonar a escola do que serem desvalorizados.

Corrigir publicamente uma pessoa é o primeiro pecado capital da educação .Um educador já mais deveria expor o defeito de uma pessoa, por pior que ele seja, adiante dos outros.

A exposição pública produz humilhação e trauma complexos difíceis de serem superados um educador deve valorizar mais a pessoa que erra duque o erro da pessoa. (Augusto Cury,2003 pág. 85).

O divórcio

A separação dos pais também é um dos motivos para o abandono escolar, muitos alunos depois do divorcio dos pais ficam transtornados e desorientados, pois já não são mis o pai e a mãe a cuidarem deles é apenas um, são descriminados pelos colegas, sentem-se mal, por verem os colegas com os seus pais a falarem deles, então nestes casos muitos optam por se manterem distantes da escola.

Dificuldades financeiras

Nas escolas encontramos pessoas de varias camadas ou estratos sociais. Os adolescentes querem ir bem apresentados na escola com um bom sapato, camisa, calças, etc. precisam de material didático por vezes são mesmo obrigados pelo professor, nestes casos os adolescentes que não tem possibilidades para não se exporem ao reculo preferem abandonar a escola, evitando passar vergonha pelos professores e colegas e ate porque a sua aprendizagem não será a mesma com aqueles que tem todos os matérias didáticos.


Página seguinte 


As opiniões expressas em todos os documentos publicados aqui neste site são de responsabilidade exclusiva dos autores e não de Monografias.com. O objetivo de Monografias.com é disponibilizar o conhecimento para toda a sua comunidade. É de responsabilidade de cada leitor o eventual uso que venha a fazer desta informação. Em qualquer caso é obrigatória a citação bibliográfica completa, incluindo o autor e o site Monografias.com.