Falhas que impactam no sucesso em uma gestão de projeto



  1. Resumo
  2. Introdução
  3. Desenvolvimento
  4. Conclusão
  5. Referências

RESUMO

Se todos os stakeholders envolvidos em um projeto analisasse a devida importância que é um planejamento bem detalhado com alguns critérios mínimos relevantes para elaboração do mesmo com todas as tarefas que venham abranger o escopo previsto e sabendo que entre os 05 (cinco) grupos de processos é a que tem mais influência na execução de um projeto, e além de estar presente em todas as 10 (dez) áreas de conhecimentos do PMBOK. O objetivo deste artigo é mostrar que ao iniciar qualquer projeto existem duas premissas que devem estar bem discriminados, é o escopo e planejamento, sendo o planejamento que irá nos orientar quanto aos prazos, custos e riscos que o projeto estará tendendo a caminhar e quanto mais rápido formos em detectar os problemas teremos mais habilidade em minimizar ou mitigar as ações a serem praticadas.

Palavras-chave: Stakeholders, planejamento, escopo, PMBOK, premissa.

ABSTRACT

If all stakeholders involved in a project could analyze the due importance of a very detailed planning, with some relevant minimum criteria to prepare the planning with all the tasks that will cover the scope provided and knowing that among the 5 process groups is the one which has greater influence on the implementation of a project, and besides being present in all the 10 areas of knowledge of the PMBOK (Project Management Body Of Knowledge). The aim of this article is to show that when starting any project, there are two assumptions that should be well discriminated: the scope and the planning, and the planning is what will guide us as to the deadline, cost and risks that the project will tend to present, and the faster we have the problems detected, the faster we will be to minimize or mitigate the actions to be practiced.

Key-Words: Stakeholders, planning, scope, PMBOK, premise.

1 INTRODUÇAO:

  • OBJETO DE PESQUISA

Mesmo não sendo intuitivo desde dos primórdios até o momento, as pessoas sempre tiveram e tem o hábito de planejar, mesmo que não esteja explícito em um papel ou em outro meio de comunicação até em uma básico deslocamento de região, execução de um almoço ou até construção de uma casa, a tempos não muitos distantes não tinha nenhuma ferramenta técnica ou um software para ajudar no acompanhamento da execução, nas atualidade de hoje com vários implementos que ajudam em todo o processo de execução de um projeto como: software, stakeholders, pessoas e equipes especializadas, gerentes de projetos, lições aprendidas e diversos outros apoios que dão suporte, mesmo com essas técnicas e critérios as causas ocorridas pelos fracassos do sucesso de vários projetos estão sendo na maioria das vezes repetidos como:

  • Escopo mal elaborado sendo descrito com apenas algumas frases, 02 ou 03 linhas;

  • Os riscos do projeto não são analisados com o devido apreço necessário ou até mesmo divulgados no decorrer do andamento do projeto; Este fato normalmente acontece quando os membros da equipe e lideres de projetos deixam de se comunicar sobre riscos, escassez de materiais ou novos prazos de entrega. De acordo com a pesquisa mais da metade dos lideres de projetos passam por esse problema[1]

  • Atividades principais sem um detalhamento minucioso causando um planejamento mal elaborado que servirá apenas de referência e não como um suporte técnico primordial a execução da obra, pois, os tempos previstos para a execução não são compatíveis com a execução;

  • Falta de acompanhamento das atividades críticas do projeto fazendo com que numa análise semanal venha ocorrer um atraso superior a 07 (sete) dias;

  • Falta de comunicação entre as partes envolvidas acarretando problemas,

  • De acordo com Joseph Grenny em parceria com a The Concours Group realizou o estudo Silence Fails, em que a pesquisa apurou que 65% dos lideres de projetos apontam a falta de apoio real do superior como principal razão para falhas no projeto. Algumas vezes os patrocinadores acabam deixando os lideres dos projetos entrarem em batalhas políticas onde eles deveriam apenas auxiliá-los. 88% dos entrevistados também comentaram que esse tipo de comunicação é difícil, se não impossível.[2]

Estas consequências citadas acima, normalmente passam despercebidas e que na maioria das vezes são conhecidas pelos gerentes de projetos, stakeholders ou equipes de projetos com a responsabilidade do êxito deste investimento. Foi seguindo este cenário que identificamos uma grande necessidade de aprofundar em um estudo mais detalhado que possamos criar alguns elementos básicos que poderiam servir de referência como:

  • A elaboração do escopo detalhado, claro, conciso e conter todas as informações necessárias como quantitativos previstos das atividades principais macros para a execução do projeto;


Página seguinte 


As opiniões expressas em todos os documentos publicados aqui neste site são de responsabilidade exclusiva dos autores e não de Monografias.com. O objetivo de Monografias.com é disponibilizar o conhecimento para toda a sua comunidade. É de responsabilidade de cada leitor o eventual uso que venha a fazer desta informação. Em qualquer caso é obrigatória a citação bibliográfica completa, incluindo o autor e o site Monografias.com.