Importância do escritório de projetos para a administração pública



  1. Abstract
  2. Resumo
  3. Introdução
  4. Referencial teórico
  5. Escritório de gerenciamento de projetos (egp)
  6. Reforma administrativa do estado brasileiro
  7. Metodologia
  8. Casos de sucesso
  9. Referências

The objective of this paper is to show the importance of using best practice project management in public administration and how the results can benefit society in general and the government itself, through the adoption of a Project Management Office. The scope of the study is based on analysis of cases considered successful and the methodology is based on project management, guided by his guide procedures and best practices covered in the PMBOK. This article had a qualitative approach, presenting the results from the analysis of case studies, where gains can be observed from the changes in behavior and working methodology presented in the cases after the adoption of the Office of Project Management. The use of the Office of Project Management in the public sector is presented as a structure of great importance for decision -making, prioritization of projects and preparation of action plans, strengthening management and contributing to a better use of public resources.

Key-words: Project, Project Management, Project Office, Public Management

O objetivo do presente artigo é apresentar a importância do uso de melhores práticas de gerenciamento de projetos na administração pública e como os resultados obtidos podem trazer benefícios a sociedade em geral e a própria administração pública, através da adoção de um Escritório de Gerenciamento de Projetos. O escopo do estudo é baseado na análise de casos considerados de sucesso e a metodologia é fundamentada no gerenciamento de projetos, norteada pelo seu guia de procedimentos e melhores práticas abordadas no PMBoK. Esse artigo teve um tratamento qualitativo, apresentando os resultados a partir da análise dos casos de sucesso, onde pode ser observado os ganhos a partir das mudanças de comportamento e metodologia de trabalho apresentados nos casos após a adoção do Escritório de Gerenciamento de Projetos. O uso do Escritório de Gerenciamento de Projetos no setor público se apresenta como estrutura de grande importância para a tomada de decisões, priorização de projetos e elaboração de planos de ação, fortalecendo a administração e contribuindo para o melhor uso dos recursos públicos.

Palavras-chave: Projetos; Gerenciamento de Projetos; Escritório de Projetos, Gestão Pública.

A gestão pública moderna é constantemente desafiada pelas mudanças e rigores da legislação e da própria organização, seja municipal, estadual ou federal. O controle do uso dos recursos, principalmente financeiros, e a transparência são exigências cada vez maiores da população contribuinte (Carneiro, 2010).

Esse processo de modernização da gestão dos órgãos públicos tem sido incentivado e cobrado pela sociedade que anseia pela agilidade e eficiência do órgão. Desse modo, a busca por efetivo acompanhamento, controle e gerenciamento das ações dentro da organização, evitando trabalhos duplos, retrabalho, falhas de comunicação, execução conjunta de projetos, dentre outros, proporcionará uma melhor resposta da administração e criação de bens e serviços públicos (CMN, 2008).

Um estudo realizado pelo Standish Group (CHAOS Manifesto, 2012), mostra que 21% dos projetos das empresas são cancelados antes de seu término e 42% custam mais de que seus orçamentos previstos ou realizados. Isso se traduz em uma necessidade de implantação práticas de Gerenciamento de Projetos eficientes nas organização públicas e privadas.

Barcaui (2012) cita essa prática como necessária e fundamental para o sucesso ou mesmo a vida da empresa. Para Sommerville (2007), gerenciar projetos é necessário porque estão sempre sujeitos às restrições de orçamento e prazo. Se as atividades de gerenciamento de projetos forem aplicadas é possível que o projeto cumpra essas restrições e seja concluído com sucesso. Por outro lado, a falta de gerenciamento geralmente resulta no fracasso do mesmo.

Pressman (1995) afirma que para conduzir um projeto bem-sucedido é necessário compreender o escopo do trabalho a ser feito, os riscos envolvidos, os recursos exigidos, as tarefas que deverão ser executadas, os marcos de referência a serem acompanhados, o esforço ou custo despendido e a programação a ser seguida. Esses projetos são importantes, todavia possuem natureza de alto risco.

Nesse contexto o presente artigo visa apresentar a importância e os benefícios do uso do Escritório de Gerenciamento de Projetos (EGP) na administração pública, ainda pouco empregado no setor público, tendo seu início nos anos 90 (MARE, 1995).


Página seguinte 


As opiniões expressas em todos os documentos publicados aqui neste site são de responsabilidade exclusiva dos autores e não de Monografias.com. O objetivo de Monografias.com é disponibilizar o conhecimento para toda a sua comunidade. É de responsabilidade de cada leitor o eventual uso que venha a fazer desta informação. Em qualquer caso é obrigatória a citação bibliográfica completa, incluindo o autor e o site Monografias.com.